Invenções que foram descobertas por acidente
A maioria das invenções foram descobertas com muita pesquisa, dedicação e trabalho. Mas existem aquelas também  que foram descobertas por acidente e que acabaram revolucionando o mundo. Confira abaixo uma lista com invenções que foram descobertas por acidente.

Borracha Vulcanizada – 1839

Descoberta por Charles Goodyear
Após produzir um lote de sacolas que derretiam muito fácil, Goodyear resolveu cozinhar alguns pedaços dessa sacola para ver a sua resistência e o quanto de calor aguentavam. Ao invés de derreter, os pedaços da borracha cujo continha enxofre começaram a ficar duro e resistente.

Super Bonder – 1942

Descoberta por Harry Cover
Sabemos que muita gente não consegue viver sem essa cola devido ao seu poderoso poder de colar qualquer objeto em segundos. Mas muita gente não sabe que a cola foi descoberta por acaso, quando Harry tentava criar modelos de miras para armas. Durante as tentativas de fabricação, o químico acabou se deparando com uma gosma no qual grudava em tudo que é lugar. No início ele não ligou muito, mas depois de seis anos Harry decidiu transformar sua invenção em cola adesiva e vende-la no comércio.

Raio X – 1895

Descoberta por Wilhelm Conrad Rontgen
Conrad descobriu o raio x após trabalhar com tubos de raios catódicos cobertos por papel bem grosso. Durante o trabalho, seu ajudante percebeu que com mesmo ele coberto era possível se produzir uma luz verde que era possível iluminar uma parede toda. Anos depois Conrad descobriu que esse raio atravessava objetos e com isso denominou seu nome de Raio X.

Micro-ondas – 1945

Descoberta por Percy Spencer
Sabemos que a maioria das invenções que revolucionaram o mundo foi descoberto por acidente, então com o micro-ondas não podia ser diferente. Após trabalhar em um radar coberto de micro-ondas, Percy percebeu que o chocolate que ele tinha no bolso começou a derreter. Após essa descoberta, Percy resolveu testar esse princípio em outros objetos. Esses objetos derreteram e Spencer resolveu criar uma nova tecnologia de forno doméstico utilizando esse princípio.

Palito de fósforo – 1826

Descoberta por John Walker
O químico acabou descobrindo o fósforo após acender um protótipo da invenção acidentalmente arrastando no chão. Ele estava pesquisando uma nova forma de produzir fogo, até que chegou ao primeiro fósforo a fricção. De lá para cá o fósforo passou por diversas evoluções, como uma forma de não pegar fogo tão fácil, pois naquela época o fósforo acendia em qualquer superfície e podia acender no bolso da calça e machucar um indivíduo.

Coca-Cola – 1886

Descoberta por John Pemberton
Após criar um xarope contra a dor, o farmacêutico misturou diversos ingredientes e acabou criando uma espécie de tônico. Ao invés de fazer sucesso como xarope para dor, a bebida acabou fazendo sucesso como refrigerante e fez com que John transformasse-a definitivamente em refrigerante em 1889. Até hoje o método de fazer a bebida e os ingredientes são guardado a 7 chaves.

Picolé – 1905

Descoberta por Frank Epperson
Quando tinha 11 anos de idade, Frank adorava misturar refrescos e congelar essa mistura. Um dia Frank esqueceu uma das misturas com palito que usava para misturar dentro e deixou na varanda de sua casa. No outro dia ele percebeu que a bebida congelou com o palito dentro e daí teve a ideia de fazer mais e criar o picolé.

Insulina – 1889

Descoberta por Oscar Minkowski e Joseph von Mehring
Após retirar o pâncreas de um cachorro com o intuito de ver se mudaria a digestão do animal, os pesquisadores notaram que tempo depois a urina do cachorro começou a atrair moscas. Após examinar o xixi do cachorro, eles perceberam que a urina estava chia de açúcar e com isso concluíram que era o pâncreas que produzia a insulina,  hormônio responsável pela absorção do açúcar.

Batata Chips – 1853

Descoberta por George Crum
Com o intuito de sacanear um cliente chato, que sempre reclamava de suas batatas, George resolveu cortar as batatas em fatias bem finas e as fritou. Mas ao invés de o cliente detestar ele acabou adorando.

Teflon – 1938

Descoberta por: Roy J. Plunkett
Após uma experiência com gases de refrigeração não sair como o planejado, Plunkett notou que o resultado da experiência virou uma substância que não grudava em quase nada. No início o Teflon era responsável por revestir tubos para proteção de bombas atômicas. Fonte: Super Interessante | Tecmundo

Posts Relacionados

Tags: | |

avatar