É normal haver três furacões no Oceano Atlântico?

Por: Bruno Pinheiro | Publicado em 10 de setembro de 2017

Enquanto o maior furacão já registrado destrói parte dos Estados Unidos, especialistas em furacões já estão de olho em outros dois: Kátia e José. Mas será que é normal haver três furacões no Oceano Atlântico? Confira.

Para alguns especialistas, o “Irma” é considerado o maior furacão de todos os tempos. Ele já causou diversos estragos em Cuba e no sul da Flórida, nos Estados Unidos. O atual presidente americano, Donald Trump, alertou o fenômeno como o maior já registrado em solo americano. Com isso ele deu toque de recolher para os cidadãos se protegerem. Todos os supermercados ficaram vazios e as cidades que o furacão já atingiu parecem filme de terror. Milhares de cidadãos estão sem energia elétrica e água potável.

Apesar de estar perdendo suas forças, o furacão “Irma” pode atingir outras áreas e causar ainda mais destruição. Vale apena lembrar que quando um furacão toca no oceano ele ganha mais força do que já estava. O “Irma” já atingiu vários picos de categorias de força, obtendo até a maior de todas.

É possível haver três furacões no Oceano Atântico?
Veja também
Como os furacões se formam? Os furacões são nada mais do que tempestades violentas com grande poder de destruição. Um furacão pode conter ventos com velocidade de mais de 200 km/...
Por que estão surgindo crateras na superfície da t... Recentemente uma imensa cratera se formou em uma área de camping de uma praia situada em Queensland, na Austrália. Essa imensa cratera, medindo cerca ...
Descubra onde você chegaria caso cavasse um buraco... Quem nunca teve a fantasia de cavar um buraco no chão e sair na China? Provavelmente você teve essa ideia quando era criança ou viu em algum desenho a...

Furacão Kátia, Irma e José. (Fonte da imagem: NOOA/Reprodução)

Além do “Irma”, dois novos furacões podem atingir o solo americano. Um deles é o “José” que até agora está com categoria quase máxima de força. Ele pode ter a mesma trajetória que o furacão “Irma”, acendendo alerta nas ilhas Antígua, Barbuda, St Martin, St Barts e Anguilla. Outro furacão que preocupa os cidadãos americanos é o “Katia”. Apesar de estar na categoria dois, ele também pode causar estragos. Esse furacão se encontra ainda no Golfo do México e já levou as autoridades do Estado de Veracruz a alertar a população.

Mas é normal haver três furacões no Oceano Atlântico?

Furacão Irma passando sobre Cuba. Fonte da imagem: G1.

Muitos especialistas em furacões dizem que não é normal haver três furacões no Oceano Atlântico. Essa temporada de furacões pode ser maior do que já registrada em 2005. Para eles isso tudo tem a ver com as mudanças climáticas. Além desse fator, existem outros fatores importantes que devem ser analisados.

Um desses fatores é o fenômeno El Niño que não está presente este ano. Esse fenômeno costuma aumentar as chances de ciclones no Pacífico.

O fenômeno El Niño é um dos responsáveis para não haver tantos furacões. Ele deixa as correntes de ar mais quente e camadas mais altas da atmosfera, ofuscando os furacões.  Neste sentido, o fenômeno climático impede que os furacões adquiram a mesma força registrada pelo Irma.

O aquecimento global também pode ser o fator que tem ocasionando furacões. Para que um furacão seja formado, quando maior for a temperatura da água do mar, mais úmido o ar fica e existe a grande possibilidade de se formar um furacão.

Fonte: G1 e Exame


Posts Relacionados




Bruno Pinheiro
Formado em Administração e criador do Manual dos Curiosos, Bruno Pinheiro é apaixonado por sites e curiosidades. É o autor de todos os textos publicados no Manual dos Curiosos até agora.
Sua reação ao ler esse post
  • FASCINADO
  • FELIZ
  • TRISTE
  • IRRITADO
  • ENTEDIADO
  • MEDO
Comentários
Publicidade
Facebook
Youtube

Categorias
Parceiros