Como a tatuagem era usada antigamente?

0

A tatuagem já existe há cerca de 3,5 mil anos. Durante algum tempo ela servia para marcar quais são as comunidades em que um indivíduo fazia parte. Já nos povos primitivos, as tatuagem eram usadas para representar os marcos e os fatos mais importante de suas vidas, como, por exemplo, o nascimento, a puberdade e a morte. 

Já nossos antepassados usavam a tatuagem como meio de mostrar qual era sua idade social, cujo o objetivo eram identificar quais eram os reis, guerreiros, prisioneiros e sacerdotes. Já os cristãos comprovavam a sua religião através das tatuagens que tinham em seu corpo, através de cruzes, peixes, letras gregas e as letras IHS.



Já no começo da Idade Moderna, a tatuagem começou a ser vista como sinal de marginalidade, porém voltou a ser “mais aceita” quando começou a marcar os corpos de artistas, músicos e pessoas famosas. Quando a tatuagem deixou de ser um símbolo de marginalidade, ela voltou a ser símbolo de expressão de arte no corpo, sem necessariamente voltar a marcar identidades sociais. Antigamente as tatuagens eram feias, com desenhos toscos. Hoje não há limites para essa arte.

Artigos Relacionados


Sua reação

  • FASCINADO
  • FELIZ
  • TRISTE
  • IRRITADO
  • ENTEDIADO
  • MEDO