Sucessos da internet nos anos 90 e 2000

0

Sabemos que na internet diversas novidades se tornam um fenômeno de uso, mas, conforme o tempo for passando, nós ficamos enjoados ou trocamos por algum serviço mais da atualidade e aquele que fez sucesso acaba caindo no esquecimento. Temos como exemplo o Orkut, primeira rede social que fez sucesso no Brasil, que, após o surgimento do Facebook, a rede social caiu no esquecimento e teve recentemente sua aposentadoria decretada pelo Google. Assim como o Orkut, diversos hits da internet nos anos 90 e 2000 também caíram no esquecimento.



Diversos redes sociais e comunicadores instantâneo já tiveram sua aposentadoria decretada ou, como acontece em alguns casos, acabaram sendo substitutos por outras ferramentas mais poderosas ou se renovaram totalmente para enfrentar a atualidade. Para matar as saudades dessa última década, listamos os gigantes da internet nos anos 90 e 2000 que caíram no esquecimento de muitos usuários.

Confira abaixo os sucessos da internet nos anos 90 e 2000

Orkut

Primeira versão do Orkut. Essa imagem tem a data de 2004 a 2005. (Fonte da imagem: Reprodução/Internet)
Primeira versão do Orkut. Essa imagem tem a data de 2004 a 2005. (Fonte da imagem: Reprodução/Internet)

Criada em 24 de janeiro de 2004, o serviço do Google se tornou febre de uso no Brasil e na Índia. O Orkut permitia que seus usuários pudessem trocar ideias através de scraps ou em comunidades, declarar seu amor ao seu namorado ou namorada através dos depoimentos ou se divertir com jogos ou aplicativos que estavam presentes na rede social.

Durante sua fama o Orkut chegou a possuir mais de 40 milhões de usuários ativos, mais da metade dos brasileiros que possuíam acesso à internet naquela época. Mas, como já era de se esperar, a rede social chegou ao fim em setembro de 2014 devido a popularização do Facebook e da alta perca de usuários ativos no serviço. Além disso, podemos considerar que os constantes ataques de spam, mudanças repentinas no seu designer e os perfis falsos, foram outros motivos que contribuíram para o seu fim.

Apesar de não estar mais disponível para o acesso como antes, ainda é possível conferir todas as comunidades que fizeram sucesso na rede social, ajudando pessoas a matar as saudades do serviço do Google.

Acessando www.orkut.com, endereço normal da rede social, você tem acesso a todas as comunidades que fizeram sucesso na rede social, (Fonte da imagem: Internet/Reprodução).
Acessando www.orkut.com você tem acesso a todas as comunidades que fizeram sucesso na rede social. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução).

MSN Messenger ou Windows Live Messenger

Versão 3.0 do MSN Messenger. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)
Versão 3.0 do MSN Messenger. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)

O Orkut reinou nos corações de brasileiros quando o quesito era rede social, mas quem brilhou como comunicador instantâneo foi o MSN Messenger. Criado em julho de 1999, o serviço se tornou popular por vir incluso com o Windows XP e por ter recursos diferentes e necessários dos comunicadores instantâneos daquela época.

Apesar de serem recursos básicos, mas nos quais eram necessários para poder se ter uma maior privacidade durante as conversas, os recursos de adicionar, excluir e bloquear amigos foram os recursos que contribuíram para a sua fama. Além disso, o serviço também permitia que os usuários enviassem mensagem de texto, áudio e vídeo, como também enviar arquivos para o contato desejado.

O serviço chegou ao auge em 2009 quando atingiu a marca de mais de 330 milhões de usuários ativos. O MSN Messenger começou a perder espaço após o lançamento do Facebook Chat, do Google Talk e de outros serviços, até que, em 27 de maio de 2013, após 13 anos de funcionamento, a Microsoft desativou o serviço e migrou todos os usuários para o Skype.

Entre 2005 e 2006 o serviço começou a se chamar Windows Live Messenger, ou simplesmente Windows Live. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)
Entre 2005 e 2006 o serviço começou a se chamar Windows Live Messenger, ou simplesmente Windows Live. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)

ICQ

ICQ em 1996. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)
ICQ em 1996. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)

O ICQ foi o serviço que revolucionou a comunicação online entre as pessoas. Lançado em novembro de 1996, o comunicador instantâneo possuía uma versão beta para o Windows 95 e foi o responsável por destronar o mIRC. Assim como revolucionou a comunicação online entre as pessoas, o ICQ foi o primeiro comunicador instantâneo a possuir um aplicativo para celular.

Após grandes reformulações, o serviço ainda continua ativo e possui até um formulário para recuperar o seu antigo número UIN. Recentemente o ICQ tentou voltar com tudo através do lançamento do aplicativo totalmente reformulado para Android e iOS, no qual não obteve grande sucesso.

mIRC

mIRC em 2000. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução )
mIRC em 2000. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução
)

Assim como o ICQ, o mIRC foi o pioneiro em conversas virtuais. Diferente dos demais, o programa era bem rude, possuía poucos recursos e era considerado como uma sala de bate-papo. Para poder utiliza-lo, o usuário precisava escolher qual o servidor que gostaria de se conectar e dali escolher salas ou usuário de sua preferência.

O mIRC foi considerado uma febre entre os internautas até o início dos anos 2000, após os comunicadores se tornarem mais popular e também por possuir poucos recursos. Atualmente o serviço ainda continua sendo usado por usuários que utilizam a plataforma Linux.

Fotolog

Fotolog em 2002. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)
Fotolog em 2002. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)

O Fotolog foi uns dos pioneiros em álbuns virtuais da internet. Lançada em 2002, a ferramenta se destacava por oferecer funcionalidade simples num tempo em que as redes sociais ofereciam recursos bastantes limitados.

O sucesso foi tão grande que, após ser lançado aqui no Brasil, o Fotolog passou por diversos problemas técnicos, chegando até a limitar o número de cadastros por dia. Hoje a ferramenta ainda continua ativa, com 33 milhões de usuários ativos.

Napster

Napster em 1999. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)
Napster em 1999. (Fonte da imagem: Internet/Reprodução)

O Napster foi uns dos pioneiros a dar uma grande dor de cabeça na indústria fonográfica. Lançado em 1999, o programa de troca de serviços de arquivos P2P foi uns dos primeiros na distribuição de arquivos em MP3. Um dos grandes diferenciais na época era que, ao invés de um servidor, os arquivos eram baixados através de PCs de usuários.

Após diversos processos e batalhas judiciais por ser considerada como a responsável por troca de arquivos ilegais, o serviço deixou de ser gratuito e contou com um serviço de Streaming pago.

Leia também

Artigos Relacionados


Sua reação

  • FASCINADO
  • FELIZ
  • TRISTE
  • IRRITADO
  • ENTEDIADO
  • MEDO